COMUNICAÇÃO CORPORATIVA E AGÊNCIAS DE PR: UMA RELAÇÃO SIMBIÓTICA?

Sarita Bahl – Diretora de Comunicação da Aliança Farmacêutica da Índia

Não há dúvida de que os departamentos de Comunicação Corporativa e agências de PR precisam um do outro. No entanto, muitos deles compartilham uma relação de amor e estranhamento. Para a comunicação corporativa, a agência de relações públicas é um animal que eles não podem compreender. Para a agência, a comunicação empresarial prefere viver encastelado em seu próprio mundo.

Este post não é para repreender o profissional de comunicação empresarial nem a agência de relações públicas. Relações simbióticas exigem o mesmo nível de compromisso de ambas as partes.

Tendo gerenciado agências de PR como parte da minha trajetória corporativa, aqui está uma lista de atitudes positivas que podem fazer com que o relacionamento seja verdadeiramente significativo.

Agenda Alinhada

As empresas muitas vezes dão um briefing à agência sobre o seu objetivo final e esperam que a agência possa absorver esses objetivos em seu plano global. Ótimo. O que pode dar errado aqui? Muita coisa, na verdade. Tudo pode ir mal quando a agência vem com um conjunto de preconceitos sobre uma indústria específica ou o negócio do cliente. Muitas vezes seu tom é de quem quer apontar tudo o que está errado com o corporativo!

Agências de RP precisam “desaprender” conceitos e manter suas mentes aberta sobre novos clientes. Não pinte uma indústria em particular com a mesma paleta de cores de um cliente atendido anteriormente. Cada cliente é diferente, único. Monte suas narrativas com histórias de sucesso e não com as deficiências de cada cliente.

Sênioridade Importa

Lembro-me de todas as concorrências: o CEO da agência de RP estará presente. O gerente de contas estratégicas irá compartilhar informações valiosas. Do lado corporativo, o Diretor seria igualmente envolvido. Afinal, é uma questão de construção de marca e reputação. Tudo combinado, propostas aceitas, linhas pontilhadas assinadas. Vem então o “reality check”. O diretor ou CEO da agência está viajando. O gerente estratégico tem muitos clientes que disputam sua atenção. Sendo assim, a sua conta vai agora ser tratado por alguém menos sênior.

As agências precisam assegurar que elas têm um pessoa estratégica para lidar com a conta. Isto exige um compromisso igual do  lado do cliente para ter a sua liderança envolvida desde o início.

Leave a Reply